Posts Marcados Com: sofrimento

Mesmo no sofrimento

“Porque ainda que a figueira não floresça, nem haja fruto na vide; ainda que decepcione o produto da oliveira, e os campos não produzam mantimento; ainda que as ovelhas da manada sejam arrebatadas, e nos currais não haja gado; Todavia eu me alegrarei no SENHOR; exultarei no Deus da minha salvação.”
(Habacuque 3:17-18)

Alguém pode perguntar: “Como afirmar-se portador de uma alegria sem fim diante de tantos sofrimentos?” Observe uma criança. Os mesmos males que assolam o mundo a rodeiam também. Mas, no colo de sua mãe ela sente-se consolada e alegre. Mesmo que esteja doente e acamada, quando tem sua mãe ao lado o sofrimento não lhe tira a alegria. Em alguns casos, mesmo a presença de um amiguinho da escola já lhe põe um sorriso no rosto. É que o motivo de sua alegria é maior que o motivo do seu sofrimento. Lógico que se assusta quando o mal bate à porta. Mas agarra-se à razão de sua alegria e segurança e encontro pouso.

Os judeus nos campos de concentração nazista sobreviviam porque, embora ao seu redor tudo fosse morte e tristeza, eles agarravam-se à razão de sua alegria e salvação, ao seu Go’el. E os nazistas não podiam entender como homens e mulheres tão frágeis suportavam tantos sofrimentos.

Quando a minha alegria está em alguém ou em alguma coisa específica, basta a sua ausência para me entristecer, mas na sua presença as aflições são só aflições, não podem dominar. Imagine quando minha alegria está em alguém que não se ausenta, não passa, não muda e não falha? Daí todas as tribulações deste mundo passam, são apenas eventos. Sim, sinto seus efeitos, não estou livre do sofrimento, mas eles não podem alcançar a razão da minha alegria, que é infinitamente maior que qualquer sofrimento.

O sofrimentos virão mas “eu me alegrarei no Senhor; exultarei no Deus da minha salvação.”

Categorias: Meditação | Tags: , | Deixe um comentário

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.